Semana On

sábado, 29 de maio de 2010

Poesia aos sábados

Paisagem

A lua quase cheia...
Eu, na varanda,
outra vez sem sono.

A lua quase cheia...
Debussy na vitrola
Clair de Lune...

Outra vez o Dona Marta multilight
pisca mais do que piscam
as luzezinhas das árvores de Natais

E outra vez
na varanda,
delineio os montes
finjo desenhar
rabiscando os morros
colorindo as luzes.

luz branca
verde-amarela
(gol do Brasil!!)

Bandeirinhas que adivinho
dançarem ao vento,
bailarinas plásticas.

E o Cristo
amarelo fogo...
a lua acima dele
um pedaço quebrado de strass.

Daisy Melo, esta semana, no Poema Dia

3 comentários:

Cria disse...

Muito bom, Poeta !!

Daisy Melo disse...

Obrigada!
fico muito honrada!
beijos

Jonathan disse...

Mt bom!!!!! Doce e com um ritmo bem interessante, quase em contraposição ao ritmo frenético descrito!!! Gostei mt!!!