Semana On

terça-feira, 24 de junho de 2008

Déjà vu

"Doze vozes gritavam cheias de ódio e eram todas iguais. Não havia dúvida, agora, quanto ao que sucedera à fisionomia dos porcos. As criaturas de fora olhavam de um porco para um homem, de um homem para um porco e de um porco para um homem outra vez; mas já se tornara impossível distinguir quem era homem, quem era porco".

A Revolução dos Bichos - George Orwel

4 comentários:

Alice Salles disse...

quanta verdade contida em um único trecho!

Tathy Panziera disse...

Adoro esse livro!

Maria-sem-vergonha disse...

Alice, tem razão...qta verdade em um único trecho...uma verdade tão atual

ynes Motta disse...

Gosto desse muito desse livro... Em especial esse trecho aí, Barone!
Interessante também o momento da descoberta da mudança no supremo mandamento, que resumia os sete: "Todos os animais são iguais", passando para:"Todos os animais são iguais, porém alguns animais são mais iguais do que os outros".
...Déjà vu. sim.. e nosso País está repleto de porcos tão imunes e impunes! Ao mesmo tempo são tantas ovelhas a apenas repetir bordões.
Abração.