Semana On

terça-feira, 30 de junho de 2009

Israel captura navio que rumava para Gaza com brinquedos e remédios

Algumas horas atrás a marinha israelense, ilegalmente e em águas internacionais, abordou o navio “Spirit of Humanity” (Espírito de Humanidade) e forçou a tripulação a rumar para um porto de Israel. O navio levava ajuda humanitária e 21 ativistas dos direitos humanos provenientes de 11 países, entre eles a ganhadora do Nobel da Paz Mairead Maguire e a ex-congressista estadunidense Cynthia McKinney. O navio está carregado de remédios, brinquedos, e outros bens de auxílio humanitário para os palestinos que vivem sob o cerco em Gaza. O navio e sua carga já haviam sido vistoriados e liberados por autoridades cipriotas antes da partida rumo ao seu destino. A informação é do grupo Jewish Voice for Peace.

5 comentários:

Luiz Felipe Vasques disse...

Pirataria de Estado. Nada mau.

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

neste caso não é nada ruim, afinal o lado mal só está de um lado e os piratas não podem de maneira laguma ser judeus

Vanessa disse...

Isso é tão revoltante, Barone. Gostaria de saber pq não sai na gde imprensa.

Abraço

Barone disse...

Pois é Vanessa... boa pergunta. O dia a dia dos palestinos não interessa à grande mídia. Voltarão a ser manchete no próximo massacre ou quando outro homem bomba se imolar publicamente. Enquanto isso, fingem que nada acontece.

Adriana Godoy disse...

Barone, infelizmente, você tem razão. Beijo.